noticias / PLANTÃO POLICIAL / Em Jaraguá, mulher é presa pelo GPT após denúncia de tráfico
PLANTÃO POLICIAL

Em Jaraguá, mulher é presa pelo GPT após denúncia de tráfico

A Polícia Militar (PM), após receber denúncias anônimas, que na casa de uma mulher conhecida pela equipe do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT), que havia um ponto de venda de drogas com grande movimentação de pessoas e motos a todo tempo, a equipe GPT Alfa, deslocou até o endereço com o intuito de averiguar a situação. Ao chegarem no local foi abordada o principal alvo das denúncias que se encontrava na porta de sua residência, indagada sobre o movimento que havia em sua residência, a mesma apresentou muito nervosismo. Perguntada sobre as denúncias de que ali havia um ponto de comércio de drogas a mulher começou a contradizer suas próprias palavras.

Durante o confrontamento de informações a mulher terminou relatando que realmente traficava drogas e indicou onde estaria as drogas. Os militares ao encontrar em um fogão (tipo forno), dentro de uma sacola plástica; balança, que estava atrás de uma pilha de telha na frente da residência, a equipe dos militares foi apoiada uma segunda viatura que acompanharam todas as diligências.

No final foram encontrados aproximadamente 650 gramas de uma substância esverdeada com características, odor semelhante a maconha, 45 gramas de uma substância análoga de cor branca de odor e características semelhante a crack, 10 gramas de uma substância branca de cor e características semelhante a cocaína, 1 balança de precisão.

Em decorrência dos fatos, a mulher foi conduzida até o Hospital Estadual Sandino de Amorim (HEJA) e posteriormente a Delegacia da Polícia Civil de Jaraguá para os procedimentos de praxe.

Jornal do Vale, desde 1975 - www.jvonline.com.br

...